[Tanto tango, tando dolor] No plágio de uma bela melodia

Cá retorno, depois de um mês do melhor show que já vi, para tentar descrever o que foi vivenciar aquela noite no Theatro São Pedro. Na verdade, não me surpreendi por um grande músico estar tocando naquele tão consagrado teatro, mas sim pela energia em que tudo aconteceu.

Foi surreal viver o teu “terceiro” sonho, talvez o meu maior que eu nunca imaginei.  E nem ousaria imaginar, já que nem as fotos e vídeos foram capazes de transmitir a real sensação de quem estava lá.

A Milonga foi cantada com os olhos e com o coração, e foi inevitável não se emocionar ao ouvir centenas de vozes cantando juntas. Não tem como negar, estava estampado no teu sorriso e nas nossas palmas.

É a concretização de tudo que tu sempre acreditaste. É a vontade de ficar ali pra sempre. É não querer pensar em mais nada. É viver aquele momento, e só. Como se o só já não fosse o bastante.

são pedroooo (3)

“Não ouse desistir, de tudo o que você sonhou”

(Sim, sou exagerada. Tão quanto a intensidade de tudo que está acontecendo.)

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s